25 c Pelotas

OUÇA AO VIVO:

Navegando

Mais Recentes :

"FESTIVAL CABOBU - A FESTA DOS TAMBORES", em Pelotas

estival tem datas confirmadas de 21 a 23 de abril. As atividades contam com o patrocínio da Natura Musical e contemplam apresentações musicais, debates e oficinas nos três dias do evento.

O Festival destaca o tambor de sopapo, instrumento tradicional na sonoridade afro gaúcha e patrimônio imaterial da cidade de Pelotas. A Festa dos Tambores vai reunir grupos de música e dança populares brasileiros, com destaque aos artistas da região sul do Rio Grande do Sul, mostrando e valorizando a riqueza e pluralidade da cultura negra no estado.

Iniciado em 1999 e capitaneado pelo músico Giba Giba, o Cabobu recebeu artistas de destaque da música percussiva nacional, como Naná Vasconcelos e Djalma Corrêa e músicos com forte presença no ativismo da valorização negra nas artes, como Chico César. Na ocasião, tambores de sopapo foram confeccionados por Mestre Baptista, guardião do saber construtivo do instrumento, e doados a grupos e ONGs para a replicação do conhecimento. Todas as atrações têm entrada franca.

A edição de 2023 homenageia os músicos já falecidos e traz Edu do Nascimento, filho de Giba Giba como coordenador honorário e José Batista, filho do Mestre Baptista, como coordenador das atividades formativas da mostra. Para Edu do Nascimento, “tocar tambor é um ato de sobrevivência, é o nosso emblema social de ascensão natural, a consciência humana de atitude”.

Confirmado para os dias 21, 22 e 23 de abril, o Festival "CABOBU A FESTA DOS TAMBORES 3a Edição" foi selecionado pelo edital Natura Musical, por meio da Lei Estadual de Incentivo à Cultura do Rio Grande do Sul (Pró-Cultura), ao lado de Dessa Ferreira, Pâmela Amaro, Circuito Orelhas, Gravina DasMina e Feijoada Turmalina, por exemplo. No Estado, a plataforma já ofereceu recursos para 39 projetos até 2020, como Filipe Catto, Tem Preto no Sul, Borguetti e Yamandu, Zudizilla, Sons que Vem da Serra e Thiago Ramil.

 “Natura Musical sempre acreditou na força da música para mobilizar as pessoas. Para refletir esse propósito e dar espaço à diferentes vozes, a plataforma apoia artistas, bandas e projetos de fomento à cena capazes de amplificar debates como a diversidade, a sustentabilidade e o impacto positivo na sociedade”, afirma Fernanda Paiva, Head of Global Cultural Branding.

O mecanismo de fomento do Pró-cultura RS LIC (Lei de Incentivo à Cultura), que possibilita o financiamento da 3ª Edição do Festival Cabobu, realizou em 2022 o aporte recorde de 70 milhões de Reais em arrecadação de ICMS para a cultura gaúcha, atingindo mais de 180 cidades do Estado. O Festival Cabobu conta ainda com o apoio da Prefeitura Municipal e da Secretaria de Cultura de Pelotas.

MAIS SOBRE CABOBU

O CABOBU é um festival musical público, gratuito, étnico racial, inclusivo. O Festival aconteceu em 1999 e 2000, em Pelotas. Seu nome é homenagem aos mestres da música, composto pelos nomes de Cacaio, Boto e Bucha - CABOBU - homenageados pelo músico e percussionista Giba Giba, falecido em 2014. A retomada do Festival tem realização de MS2 Produtora e proporciona a manutenção do valor histórico e artístico da cultura preta do Rio Grande do Sul, apontando direções para a música, conhecimento e expressões culturais da comunidade negra gaúcha. Sempre enaltecendo em essência o SOPAPO – elo da ancestralidade do povo negro no Rio Grande do Sul - onde se compartilha e registra a memória através das suas manifestações e encantamento marcantes.

SOBRE NATURA MUSICAL

Natura Musical é a plataforma de cultura da marca Natura. Desde seu lançamento, em 2005, o programa investiu cerca de R$ 174,5 milhões no patrocínio de mais de 518 projetos - entre trabalhos de grandes nomes da música brasileira, lançamento e consolidação de novos artistas e projetos de fomento às cenas e impacto social positivo. Os trabalhos artísticos renovam o repertório musical do País e são reconhecidos em listas e premiações nacionais e internacionais. Em 2020, o edital do Natura Musical selecionou 43 projetos em todo o Brasil e promoveu mais de 300 produtos e experiências musicais, entre lançamentos de álbuns, clipes, festivais digitais, oficinas e conferências. Em São Paulo, a Casa Natura Musical se tornou uma vitrine permanente da música brasileira, com uma programação contínua de lives, performances, bate-papos e conteúdos exclusivos, agora digitalmente.

SERVIÇO:

CABOBU A FESTA DOS TAMBORES 3a Edição

21 a 23/04 – sexta a domingo - diversos horários

Largo Edmar Fetter - ao lado do Mercado Central de Pelotas/RS

Assessoria de Imprensa |

0 comentários

Adicionar Comentário

Anunciantes